Home» Sala de Imprensa » CEEE assina Termos de Cooperação para combater desperdício de energia elétrica

29/04/2014

CEEE assina Termos de Cooperação para combater desperdício de energia elétrica

O Grupo CEEE assinou nesta terça-feira (29) Termos de Cooperação Técnica com instituições do Estado do Rio Grande do Sul e do município de Porto Alegre. A ação, que inclui investimentos da ordem de R$ 705,7 mil, faz parte do Programa de Eficiência Energética da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE-D) e tem a finalidade de promover o combate ao desperdício de energia elétrica nas cargas de iluminação em 42 prédios públicos, sendo seis da área de segurança pública e 36 prédios de escolas.

Pelo projeto, serão feitas melhorias nas instalações das penitenciárias de Dom Pedrito, Osório, Rio Grande, no Almoxarifado Central da Susepe em Porto Alegre, no Presídio Policial Militar da Brigada Militar na Capital, e em mais 36 escolas, sendo 20 municipais de Porto Alegre e 16 estaduais. No interior, as instituições de ensino contempladas estão localizadas nos municípios de Charqueadas, Camaquã, Cerro Grande do Sul, Cidreira, Eldorado do Sul, Guaíba, Rio Grande, São Jerônimo, Sertão Santana e Tramandaí.

Pelo projeto, serão feitas melhorias nas instalações das penitenciárias de Dom Pedrito, Osório, Rio Grande, no Almoxarifado Central da Susepe em Porto Alegre, no Presídio Policial Militar da Brigada Militar na capital, e mais 36 escolas, sendo 20 de Porto Alegre e 16 do Estado. No interior, as instituições de ensino contempladas estão localizadas nos municípios de Charqueadas, Camaquã, Cerro Grande do Sul, Cidreira, Eldorado do Sul, Guaíba, Rio Grande, São Jerônimo, Sertão Santana e Tramandaí.

Economia real

O trabalho de diagnóstico das instalações e substituição de reatores, lâmpadas e luminárias inicia em aproximadamente 10 dias e se estenderá até o final deste ano. Conforme as análises técnicas e econômicas da CEEE, a previsão de economia com essa medida será de 750 MWh/ano, ou o equivalente ao consumo médio mensal de energia elétrica de 400 residências. 

O diretor de Planejamento e Projetos Especiais da CEEE, Luiz Antônio Tirello, destaca a medida como positiva, especialmente num momento em que as questões de eficiência energética são bastante discutidas pela redução no nível dos reservatórios do País. “Além disso, o consumo de energia elétrica tem aumentando nos últimos anos em função do acréscimo de aparelhos elétricos, o que exige também a adoção de medidas de eficiência para evitar desperdícios”, ressalta.

Segundo o diretor Administrativo da Susepe, Giovani Mota Moreira, a instituição ressalta a importância da iniciativa da Companhia e promete avaliar criteriosamente os resultados que serão alcançados na redução do consumo para, a partir daí, sugerir com maior embasamento técnico e financeiro a inclusão de orçamento específico para incrementar avanços dessa natureza em outros prédios públicos da área de segurança do Estado.

Além dos diretores de Planejamento e Projetos Especias da CEEE-D e Administrativo da Superintendência dos Serviços Penitenciários, Giovani Mota Moreira, os documentos foram assinados pela representante da Secretaria Municipal de Educação, a engenheira eletricista Marta Pokorski Sieradzki, e pelo assistente técnico de Logística, Alexander Leitão, da Secretaria Estadual de Educação.

Imagens em http://www.flickr.com/photos/grupoceee

Fonte: Texto: Mara Medeiros - Fotos:http://www.flickr.com/photos/grupoceee - Fernando C. Vieira -

Grupo CEEE

Todos os direitos reservados ® 2016