Notícias

CEEE assina contrato para a ampliação da Subestação São Lourenço do Sul

O projeto que beneficia mais de 15 mil pessoas inclui também o reforço na linha de transmissão

Por admin / Publicado: 04/09/2008 Última modificação: 18/10/2019 16h26

Compartilhar

O Grupo CEEE e a empresa Arteche EDC Equipamentos e Sistemas S/A assinaram ontem, três de setembro, o contrato para a ampliação da subestação (SE) São Lourenço, empreendimento que vai beneficiar 15,3 mil pessoas da região.  Durante o evento, o secretário de Turismo, Zelmut de Oliveira, representando o prefeito, garantiu considerar este um momento de celebração da parceria entre os órgãos públicos, que vai resultar na melhora significativa no fornecimento de energia elétrica para o município. Zelmut lembrou ainda que, em 2005, a prefeitura renegociou sua dívida com a Companhia, passando de uma situação de inadimplência para adimplência. “A ampliação da subestação vai permitir investirmos mais na área urbana de São Lourenço, região que no verão recebe uma população de mais de 100 mil pessoas, vindas de diferentes partes do Estado. Na área rural também poderemos incrementar o uso de equipamentos e maquinários que certamente ajudarão e muito o trabalhador rural”, acrescentou.

O diretor do Grupo CEEE, Rogério Sele da Silva, reforçou que a CEEE, enquanto empresa pública, tem que ser parceira nestes empreendimentos. Sele lembrou que o plano de investimento da Companhia prevê R$ 124 milhões para a construção de subestações e linhas de transmissão, oferecendo maior confiabilidade ao sistema elétrico do RS, como no caso de São Lourenço. “A CEEE tem que ser cada vez mais uma empresa pública e forte para ser um propulsor do crescimento do Estado”, concluiu.

O projeto, com um investimento de R$ 5,3 milhões, aumenta a capacidade da unidade de energia existente hoje no município, beneficiando os moradores de São Lourenço,  Turuçu e Cristal.  A nova SE, composta por um transformador de 25 MVA (megavolts ampére) e que deverá ser concluída num prazo de oito meses, trará maior confiabilidade no abastecimento de energia à população e vai auxiliar no incremento da ampliação industrial dos setores produtivos da região.

 Além da Subestação, o projeto incluiu o recondutoramento da Linha de Transmissão entre as Subestações Camaquã 1 e São Lourenço. Rogério Sele informou que a nova subestação vai funcionar com equipamentos modernos, que possibilitam a automação da unidade, proporcionando comandos à distância, tornando-a mais avançada tecnologicamente. O custo total do projeto é de R$ 11 milhões (Subestação e Linha) e integra o Plano de Investimentos da CEEE, que vem sendo implementado, desde setembro de 2007, pela Companhia nas áreas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Participaram do evento, na Associação Comercial e Industrial de São Lourenço do Sul, dirigentes sindicais, autoridades locais e regionais.

Assessoria de Comunicação Social do Grupo CEEE

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres