Notícias

CEEE coloca em operação nova obra quequalifica energia no Litoral Norte do RS

Linha liga subestações Atlântida 2 e Torres. Construção envolveu trabalho técnico inédito e beneficia cinco municípios.

Por admin / Publicado: 22/12/2016 Última modificação: 18/10/2019 16h29

Compartilhar

A CEEE Distribuição (CEEE-D) colocou em operação nesta sexta-feira (23) uma nova obra de energia elétrica que reforça e qualifica o atendimento ao Litoral Norte do RS: é a nova linha de transmissão de 69 kV (quilovolts) que liga as subestações Atlântida 2 e Torres, ao longo da Estrada do Mar (RS 389). Essa obra, na qual a Empresa investiu R$ 5 milhões e que integra as ações do plano verão 2016/2017 da CEEE, tem 20 quilômetros de extensão e beneficia diretamente 30 mil clientes da Companhia da região, em especial a população de Torres, Passo de Torres, Dom Pedro de Alcântara, Morrinhos do Sul, Três Forquilhas e Itati.

 

A etapa final da atividade envolveu 40 técnicos e foi realizada com a linha energizada, isto é, sem interrupção do fornecimento para conexão do empreendimento ao restante do sistema elétrico. Neste caso em especial, com um trabalho inédito da técnica ao potencial, pela extensão e características da linha (ver box abaixo).

 

Conforme a área de engenharia da Companhia, a Linha de Transmissão Atlântida 2 - Torres faz parte do conjunto de projetos que vem sendo implementados com o propósito de trazer confiabilidade e robustez ao sistema energético de transmissão, com reflexos também na melhoria dos níveis de tensão, continuidade e confiabilidade do sistema de média e baixa tensão da região.

 

O diretor de Distribuição do Grupo CEEE, Julio Hofer, destaca que a Companhia está focada em oferecer serviços de qualidade a todos os municípios da área de concessão. “No Litoral Norte, os investimentos realizados reforçaram a qualidade do fornecimento não somente aos 300 mil clientes regulares da Empresa, mas à população de outras regiões do RS que escolhe esta para veranear”. Além das obras estruturantes executadas, Hofer reitera as ações preventivas implementadas nos 23 municípios do Litoral Norte para qualificar o fornecimento especialmente no verão, quando a demanda energética é maior. Ele informa que a CEEE do Litoral Norte atua com 45 equipes leves e 10 pesadas (com caminhões para serviços pesados). Desse total, 25 delas, entre os dias 31 dezembro e 1º de janeiro de 2017, estarão posicionadas em pontos estratégicos da orla gaúcha. “Isso é importante, porque diminui o tempo de deslocamento e prioriza o atendimento rápido aos nossos clientes, em caso de necessidade”, explica.

 

A CEEE possui nessa região 14 subestações: duas que integram o sistema de transmissão do RS e outras 12 que fazem o escoamento da energia aos diversos consumidores através dos 10 mil quilômetros de redes urbanas e rurais da região, em uma área de quase nove mil quilômetros quadrados. Há, ainda, 10 agências comerciais, sete postos de atendimento e seis postos conveniados.

 

Os endereços podem ser conferidos no endereço www.ceee.com.br, onde há também uma nova agência virtual para facilitar o acesso aos serviços. O teleatendimento 24h da CEEE é 0800.721.2333 e problemas de falta de luz podem ser comunicados, a qualquer momento, por torpedo (SMS) para o número 27307, com a palavra luz e o número da UC.

 

 

Trabalho técnico inédito: linha de 20 km entra em operação sem desligamento da rede

 

A CEEE Distribuição vem adotando uma prática inovadora no mercado de energia elétrica, que é energizar as novas instalações de linhas e subestações com o método de linha viva, ou seja, sem interrupção de energia ao consumidor. Para a ligação da nova Linha de Transmissão 69 kV Atlântida 2 x Torres, seria previsto um desligamento de aproximadamente seis horas, mas com a técnica adotada pelas equipes de obras e de manutenção da Empresa, o pique no sistema foi inferior a 3 minutos.

 

Para que fosse possível fazer uso dessa técnica em um grande trecho de linha de transmissão (linha com 20 quilômetros de extensão) sem nenhum desligamento ao consumidor, foram adotados vários procedimentos para a execução da tarefa, principalmente para garantir a segurança dos executores e da população.

 

Em função da complexidade e do risco que envolve esse tipo operação, um dos passos indispensáveis foi a fase de planejamento do trabalho, com a preparação de um roteiro do passo a passo de todas as atividades, incluindo avaliações de proteção do sistema. Isso é necessário porque a linha existente está energizada e atendendo toda a carga da região, os riscos aumentam, seja por indução, seja por descarga ou até mesmo queimadura de arco elétrico na execução.

 

 

Principais investimentos para o Verão

 

Confira os principais investimentos do Grupo CEEE na região do Litoral Norte (Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica) ao longo deste ano e que reforçam o atendimento aos clientes e à população dos 23 municípios da região:

·         Modernização da Subestação Osório 2, que reforça o sistema de transmissão de energia da região, garantindo maior segurança e melhor qualidade do fornecimento de energia para os municípios como Santo Antônio da Patrulha, Palmares do Sul, Tramandaí, Maquiné e Osório. Investimento de R$ 8 milhões.

·         Construção de uma Linha de Transmissão entre as subestações Atlântida 2 e Torres 1, com 20 km de extensão em 69kV (Quilovolts). Investimento de R$ 5 milhões.

·         Modernização e Telecomando da Subestação Osório 1. Investimento de R$ 1,2 milhão.

·         Manutenção no barramento da Subestação Tramandaí e manutenção do transformador de força. Investimento de R$ 150 mil.

·         Modernização da Subestação Pinhal, troca de equipamento com transformadores de corrente e manutenção do transformador de força, unidade responsável pela distribuição de energia elétrica a 42,8 mil clientes dos municípios de Balneário Pinhal, Cidreira, Quintão e arredores. Investimento de R$ 170 mil.

·         Obras na infraestrutura da Subtransmissão: R$ 5,5 milhões

·         Atividades de manutenção: R$ 4,7 milhões

·         Podas e Roçadas: R$ 1,8 milhão

·         Manutenções realizadas com a rede energizada: R$ 1,6 milhão

·         Lavagem de Redes/Diagnóstico termográfico: R$ 107 mil

·         Equipes Operacionais Contratadas: R$ 1 milhão

·         Obras ainda em andamento: R$ 5,2 milhões

·         Equipes disponíveis para o período de Verão (de dezembro de 2016 a março de 2017):

o   45 equipes leves

o   25 equipes leves posicionadas em pontos estratégicos na orla entre os dias 31/12/2016 a 03/01/2017

o   Instalação de 10 equipes pesadas posicionadas em pontos estratégicos do litoral Norte, facilitando o deslocamento aos pontos de atendimento

 

Resumo com o total de Investimentos do Grupo CEEE no Litoral Norte

Investimento em Distribuição: R$ 25,6 milhões

Investimento em Transmissão: R$ 16,4 milhões

Investimento Total da CEEE: R$ 42 milhões

 

Imagens CEEE: http://www.flickr.com/photos/grupoceee

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres