Notícias

CEEE Distribuição regulariza a energia elétrica para 465 famílias da Vila Gaúcha, na Capital

Programa Energia Legal foi finalizado hoje na comunidade do bairro Santa Tereza, em Porto Alegre

Por admin / Publicado: 25/08/2016 Última modificação: 18/10/2019 16h28

Compartilhar

A CEEE Distribuição finalizou hoje o projeto de regularização da energia elétrica na Vila Gaúcha, no Morro Santa Tereza, em Porto Alegre, comunidade que abriga 465 famílias. Nessa obra que beneficia e traz mais cidadania e segurança a aproximadamente quatro mil pessoas que moram no local, a Companhia investiu R$ 825,5 mil para colocar a nova estrutura de fornecimento na comunidade que possui 15 logradouros. Após a instalação de todos os medidores e a consequente ligação da energia, nesta quinta-feira (25), equipes da Companhia retiraram os cabos clandestinos (famosos “gatos de luz”) existentes na área.

 

Em função das condições topográficas da localidade, a CEEE utilizou nesse projeto na Vila Gaúcha postes de fibra (carregados e montados por blocos), em função do acesso que não permitia a entrada de postes de concreto (e inteiros), nem tampouco de caminhões de grande porte. A rede de 3,6 quilômetros construída utilizou 187 postes e 11 transformadores.

 

O programa Energia Legal da CEEE-D está associado a outras ações que visam reduzir as perdas técnicas e comerciais da Empresa. Além do aspecto social e das questões de segurança às pessoas diretamente envolvidas, o Energia Legal traz também qualidade no fornecimento aos moradores e comerciantes do entorno e que passam a contar com um fornecimento de melhor qualidade.

 

As ações do Programa Energia Legal, que já beneficiou nove mil famílias, têm objetivos de inclusão social e são realizados em áreas com prévia regularização fundiária. A CEEE Distribuição finalizou projetos recentes em diversos bairros de Porto Alegre, e também no litoral Norte (município de Imbé) e região Sul do RS (Pelotas). No total, através desse programa, iniciado em 2012, foram emitidas 225 mil faturas, o que corresponde a R$ 23,5 milhões de faturamento e a uma arrecadação de R$ 20,6 milhões.

 

 

 

Funcionamento do Programa

 

Pelo Programa Energia Legal, a CEEE-D fornece e instala o kit monofásico que é parcelado na conta de luz por 12 meses e, por um período de seis meses, oferece aos clientes residenciais monofásicos uma conta educativa, que cobra a taxa mínima de energia da unidade consumidora, mas mostra também o valor real da conta. Essa ação tem o objetivo de fazer com que as pessoas entendam a importância de se utilizar racionalmente a energia elétrica.

 

Ainda por meio do Energia Legal, os clientes que pagam as 12 primeiras parcelas dos kits de entrada da medição – incluídas na própria conta – recebem um abono das 12 últimas prestações, desde que estejam com o pagamento das faturas em dia. Durante o período de vigência da conta educativa, equipes da CEEE-D seguem fazendo visitas regulares aos consumidores que gastaram mais do que 250 kWh (quilowatt-hora), com o objetivo de orientar sobre os hábitos de consumo que podem ajudar a reduzir o valor da conta.

 

Vila União

No bairro Santa Tereza, outras comunidades foram recentemente beneficiadas pelo Programa Energia Legal. Em outubro do ano passado, a CEEE Distribuição entregou à comunidade da Vila União Santa Tereza em Porto Alegre, obra semelhante de regularização da energia elétrica no local, beneficiando 600 pessoas. Nas vias da Vila União Santa Tereza, foram instalados 64 postes e construiu quase dois quilômetros de rede. O investimento nesse projeto foi de R$ 298 mil.

 

Mais imagens desta pauta em https://flic.kr/s/aHskFGba5s ( Guga Marques e Fernando C. Vieira)