Notícias

Grupo CEEE apóia projeto de inclusão social com o SESI do RS

O termo de compromisso que prevê o repasse de R$ 630 mil, provenientes da Lei da Solidariedade 11.853/02, para a execução do programa, foi assinado, nesta quarta-feira, dia 27, pelo diretor da área de Transmissão do Grupo CEEE, José Francisco Pereira Braga, o secretário de Justiça e Desenvolvimento Social, Fernando Luís Schüler e o superintendente do Sesi, Edison Lisboa, na sede da Fiergs, em Porto Alegre.

Por admin / Publicado: 27/06/2007 Última modificação: 18/10/2019 16h25

Compartilhar

Criar oportunidades de desenvolvimento promovendo a inclusão social de jovens de famílias de baixa renda é o objetivo do projeto Por Uma Juventude Cidadã, que faz parte da Rede Parceria Social (RPS), coordenada pela Secretaria da Justiça e do Desenvolvimento Social do Estado, desenvolvida pelo Serviço Social da Indústria do RS e financiada pelo Grupo CEEE. O termo de compromisso que prevê o repasse de R$ 630 mil, provenientes da Lei da Solidariedade 11.853/02, para a execução do programa, foi assinado, nesta quarta-feira, dia 27, pelo diretor da área de Transmissão do Grupo CEEE, José Francisco Pereira Braga, o secretário de Justiça e Desenvolvimento Social, Fernando Luís Schüler e o superintendente do Sesi, Edison Lisboa, na sede da Fiergs, em Porto Alegre.

O projeto Por uma Juventude Cidadã busca estender os benefícios da assistência social a uma faixa da população excluída e com poucas oportunidades de desenvolvimento, promovendo a sua formação cidadã. O Programa desenvolverá trabalhos por meio de ações para prevenção ao uso de drogas, orientações à qualidade de vida, valores pessoais e sociais, auto-estima, noções básicas de higiene e saúde e na área de ciências humanas (desigualdades e conflitos sociais, trabalho e ética, entre outros), além de atividades artísticas, culturais e recreativas. As ações serão realizadas com jovens entre 12 e 18 anos por um período de 10 meses.

Na oportunidade, o secretário Fernando Schüler destacou a importância da parceira Grupo CEEE e Sesi para a gestão de ações sociais. O objetivo do governo é dar início aos projetos, para que, depois, eles caminhem sozinhos, disse o secretário. "Através da Lei da Solidariedade, queremos fazer com que os recursos cheguem às comunidades, e para isso precisamos ter uma Carteira de Projetos da Rede Parceria Social com organizações sociais e empresas, abrangendo diversas áreas da assistência social e beneficiando centenas de pessoas", acrescentou.

O diretor de Transmissão, José Francisco Pereira Braga, lembrou que a CEEE, ao longo dos seus 63 anos, vem se envolvendo sempre em programas sociais, "e esta parceria com o Sesi, com certeza, vai trazer, novamente, bons resultados de inclusão social".

O Sesi lançou, no mês maio, uma Chamada Pública, em conformidade com a Lei da Solidariedade, visando a seleção dos projetos. As inscrições foram abertas dia 23 de maio e vão até 15 de agosto de 2007. Após esta data, os projetos apresentados serão escolhidos por uma comissão composta por representantes do Grupo CEEE, Sesi e Secretaria de Justiça e Desenvolvimento Social. Mais informações nos sites http://www.stcas.rs.gov.br e http://www.sesirs.org.br.

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres