Notícias

Grupo CEEE realiza campanha para arrecadar brinquedos

As doações serão entregues ao Centro de Educação Ambiental da Vila Pinto, na Capital

Por admin / Publicado: 21/12/2006 Última modificação: 18/10/2019 16h25

Compartilhar

O Grupo CEEE realiza, nesta semana, uma campanha de arrecadação de brinquedos, entre os empregados de suas empresas. O encerramento da iniciativa ocorre nessa sexta-feira (22), às 9h30, quando o presidente do Grupo CEEE, Edison Zart, participa do evento de entrega do material doado, que será destinado ao Centro de Educação Ambiental da Vila Pinto (CEA), localizado na Av. Joaquim Porto Villanova, 143, bairro Bom Jesus, zona leste de Porto Alegre. A Vila Pinto, juntamente com a Vila Divinéia e a Vila Nossa Senhora de Fátima, integra a região da Grande Mato Sampaio, lugar conhecido como um dos bolsões de pobreza da Capital. A Vila Pinto possui, atualmente, uma população de 11 mil pessoas, que somadas as outras vilas totalizam um contingente de 30 mil habitantes.

Além da arrecadação junto aos empregados, houve também a doação por parte de fornecedores do Grupo CEEE, que contabilizaram cerca de 500 brinquedos. A presidente do CEA, Marli Medeiros, enaltece a ação do Grupo CEEE e ressalta a importância que esses brinquedos terão no Natal de crianças carentes, que residem na comunidade. "Temos muitas famílias compostas de trabalhadores, gente humilde, mas honesta, que simplesmente não possuem recursos para proporcionarem um Natal mais feliz aos seus filhos. Por isso, iniciativas como esta, são louváveis e só temos que agradecer, com a mais profunda gratidão", diz Marli. Os brinquedos serão entregues ao Papai Noel da entidade que, juntamente com a dirigente, realizará a distribuição aos representantes de algumas associações de bairros, previamente definidas.

O Grupo CEEE há muito tempo tem buscado relacionar-se, cada vez mais, com as comunidades vizinhas. A aproximação com o CEA marca uma estreita ligação, que tem gerado bons resultados. No mês de junho de 2006, foi renovado o convênio que permite a retirada do lixo seco produzido no Centro Administrativo Engenheiro Noé de Melo Freitas (Caenmf), sede das empresas do Grupo CEEE. O acordo, firmado em nove de abril de 2003, prorroga o prazo contratual por um período de mais 12 meses.

Material reciclável gera uma boa fonte de renda

Importante destacar que todo o material arrecadado é processado pelo CEA, através de 60 associados (recicladores), constituído principalmente por mulheres, que residem na Vila, dentro de um programa destinado a aproveitar a mão-de-obra disponível no bairro. Atualmente, o trabalho que cada reciclador executa, gera uma receita de R$ 200,00 mensais. Marli Medeiros destaca a importância da parceria: "o lixo que as companhias nos fornecem gera renda, cidadania e, principalmente, dignidade".

O presidente Zart, ressalta o papel desenvolvido pelo Grupo CEEE, proporcionando inclusão social e melhores condições de vida a uma parcela da comunidade da Vila Pinto. "A nossa administração sempre esteve voltada à defesa de ações sociais junto às comunidades mais necessitadas, como a da Vila Pinto". Estima-se que 70% das famílias residentes na Vila Pinto vivem em situação de risco social e garantem o seu sustento através da venda de material reciclável, cuja prática, por falta de alternativas, é desenvolvida também por pessoas de todas as idades.

Além de todo o processo feito com o lixo recebido das companhias, o Centro de Educação Ambiental, constituído num espaço de oito mil metros quadrados, promove oficinas de informática, costura, dança, música, teatro, história, escolinha de futebol, entre outras. Possui também sala de cinema, biblioteca e oferece assistência jurídica gratuita à comunidade.

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres