Notícias

Grupo CEEE vai investir R$ 81 milhões em complexo eólico

Empresa assina participação em investimentos eólicos do Grupo Elecnor na quarta-feira, 22 de agosto,em Osório

Por admin / Publicado: 16/08/2012 Última modificação: 18/10/2019 16h28

Compartilhar

Na quarta-feira, 22, será assinado, em Osório, contrato que celebra o ingresso do Grupo CEEE no capital social das empresas do Grupo Elecnor que operam parques eólicos no Rio Grande do Sul. A negociação inclui a participação da CEEE-GT em 10% do capital da holding, que será responsável pelos complexos eólicos de Palmares do Sul (com capacidade instalada próxima de 200MW) e de Osório (com 302,9MW). A parceria inclui as unidades já em operação e as ampliações previstas nesses dois parques. O investimento do Grupo CEEE nesse projeto, que alcançará R$ 81 milhões, será feito com recursos próprios da Empresa. O Grupo CEEE possui 910 MW próprios em 15 usinas hidrelétricas e outros 342,3 MW em participações em outros empreendimentos. Com o ingresso no capital social das referidas empresas, a capacidade instalada da CEEE alcançará 1302,2 MW, o equivalente a 25% da potência instalada do Rio Grande do Sul.

A solenidade acontecerá durante o “Diálogos CDES-RS – Desenvolvimento da Região e Setor Energético-Eólico”, evento promovido pela Secretaria Executiva do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social e o Gabinete dos Prefeitos e Relações Federativas, no Parque Eólico de Osório (Rodovia RST – 101 km 4,5), na quarta-feira, 22, às 14h30, com a presença do governador do Estado, Tarso Genro; diretor-presidente da Enerfín do Brasil, Guillermo Planas Roca; presidente CEEE, Sérgio Souza Dias; diretor de Geração da CEEE,  Carlos Ronaldo Vieira Fernandes; secretário executivo do CDES/RS, Marcelo Danéris; gabinete dos Prefeitos, Afonso Motta; secretário Infraestrutura e Logística, Beto Albuquerque; secretário Desenvolvimento e Produção do Investimento, Mauro Knijnik e o prefeito de Osório, Romildo Bolzan.  Estão convidados para a atividade  prefeitos, vereadores,  representantes do Corede Litoral Norte, associações, cooperativas, sindicatos entre outras lideranças da região.

O CDES-RS debate permanentemente a questão energética na Câmara Temática Indústria Naval, Petróleo, Gás Natural e Setor Energético. Ainda em 2011, o Conselho enviou ao governador recomendações para fortalecer a política energética estadual, com prioridade para a produção limpa e renovável. A capacidade de geração de energia eólica do Brasil, já mapeada, é igual a 30 Itaipus, o equivalente a 300 mil megawatts (MW) de energia elétrica. O potencial seria equivalente a 143 mil MW. Para efeito de comparação, a Usina Hidrelétrica de Itaipu tem capacidade de 14 mil MW. No último leilão federal de energia realizado há um ano, o Rio Grande do Sul ampliou sua participação nos leilões de energia eólica. Cinco municípios gaúchos foram contemplados com novos projetos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Os Diálogos CDES-RS são espaços de debates onde se promovem a escuta e a troca de idéias sobre temas relativos ao desenvolvimento econômico, social e à sustentabilidade ambiental, buscando a concertação de opiniões dos diversos atores envolvidos. Já foram realizados Diálogos em Cachoeira do Sul, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Campo Novo, Santiago, Santa Rosa, Santo Ângelo e Vacaria.

 

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres