Notícias

Lançamento da coleção Mário Quintana para a Infância ocorre no CCCEV

Patrocinada pela CEEE, a obra conta com três grandes volumes.

Por admin / Publicado: 24/11/2009 Última modificação: 18/10/2019 16h26

Compartilhar

O Auditório Barbosa Lessa do Centro Cultural CEEE Erico Verissimo (CCCEV) foi sede hoje, às 16h, do lançamento da coleção O Braille Quintana – Coleção Mário Quintana para a Infância, que traz a obra infantil do poeta e é dirigida aos mais de 46 mil jovens e crianças com deficiência visual. A coleção é ilustrada e musicada por grandes nomes do RS. Em volumes em braille e fonte ampliada, a coleção, patrocinada pelo Grupo CEEE, conta com três grandes volumes: O Batalhão das Letras, Pé de Pilão e Lili Inventa o Mundo, acompanhados de CDs com trilha original criada por renomados músicos. O lançamento recebe o apoio do CCCEV. A idéia é fornecer maiores subsídios para a formação educacional e cultural das crianças e jovens com deficiência visual, freqüentadoras das instituições de ensino nos 43 municípios do RS. O Centro Cultural está localizado à Rua dos Andradas, 1223, Centro Histórico.

Tudo começou em 2007, ano de lançamento da publicação, Aprendiz de Feiticeiro – 100 anos de Mario Quintana: A busca dos Sentidos - A Rua dos Cataventos, projeto elaborado para acompanhar as comemorações do centésimo aniversário de nascimento do poeta, voltado para os deficientes visuais adultos com cegueira total ou parcial. Na ocasião a empresa aprata criou e desenvolveu um kit com os livros e CD de áudio contendo sonetos do poeta, interpretados pelas atrizes Arlete Cunha e Valéria Lima. Neste trabalho, 17 sonetos dos 35 criados por Quintana, foram musicados com trilha inédita de Geraldo Flach. O projeto gráfico foi criado pela Type Design e a ilustração da capa foi feita por Zoravia Bettiol.

O sucesso do primeiro projeto e os seus resultados junto ao público-alvo - em média, 45 mil adultos cegos receberam os kits e 95 instituições receberam 500 exemplares gratuitamente – fizeram com que aprata mergulhasse nesse novo projeto voltado a crianças e jovens. O árduo trabalho só foi possível graças à parceria e ao diálogo com a família do poeta, através da figura da sobrinha e responsável por toda a sua obra, Elena Quintana. Para “costurar” os três volumes foi convidado o artista gráfico Fabio Zimbres, também criador da logomarca, responsável por um primoroso trabalho que conferiu brilho ainda maior aos desenhos de Gelson Radaelli, Rodrigo Rosa e Rick Bols. As trilhas também são um show à parte: Dunia Elias e músicos (com a participação de Simone Rasslan), a Cia Escalafobética (dirigida por Elena Quintana) e Mônica Tomasi e músicos (com a interpretação da atriz Liane Venturella e as participações especiais de Elisa Lucinda e Adriana Maciel), assinam as criações.

A empresa aprata incrementou o kit com um DVD que registra o processo de criação de todos os  participantes. Esse documento é mais uma ferramenta de ação e de inclusão para o público-alvo do projeto, que são as crianças e jovens estudantes entre 6 e 14 anos e seus docentes, que irão trabalhar esse material de forma didática e construtiva, dando continuidade ao excelente conteúdo que é a obra do Quintana. A coleção terá em breve mais dois livros:  Sapo Amarelo (volume 4) e Sapato Furado (volume 5), os quais estão em fase de captação de recursos pela Lei Rouanet, artigo 18. O lançamento irá ocorrer no dia 25 de novembro, às 16h, no Auditório Barbosa Lessa, no 4º andar do CCCEV.