Notícias

Moradores da zona Sul da Capital avaliam obras de melhoria da CEEE na região

Investimentos beneficiam moradores de seis bairros de Porto Alegre

Por admin / Publicado: 24/06/2014 Última modificação: 18/10/2019 16h28

Compartilhar

Moradores de bairros da zona Sul de Porto Alegre receberam na tarde de ontem, 24, representantes da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE Distribuição) para avaliar a qualidade do serviço de energia elétrica, após o início das obras de melhorias nas redes que levam energia aos clientes dessa região. O encontro ocorreu junto ao passeio público da Avenida Guaíba, no bairro Guarujá.

Segundo o presidente da Associação Comunitária de Moradores e Amigos da Zona Sul (Acomazs), José Paulo de Oliveira Barros, a comunidade está muito agradecida à CEEE. Ele afirmou que “no início do ano, fizemos reuniões com a Companhia para solicitar melhorias no fornecimento de energia. A partir de então, estamos vendo, de forma sistemática, a substituição de postes, cabos, transformadores e equipamentos nas redes em diversas ruas dos bairros Aberta do Morros, Chapéu do Sol, Espírito Santo, Guarujá, Ipanema e Serraria”.

“Entendemos que é necessário cobrar, mas também faz parte do exercício da cidadania agradecer, portanto, de forma pública, queremos registrar que tudo que foi combinado com a CEEE está sendo cumprido, e nos prazos acertados na ocasião”, avaliou Barros. Participaram do encontro, ainda, o vice-presidente da Acomazs, Ivam Kley, e a presidente da Associação dos Moradores do Bairro Espírito Santo, Margarete Sperotto, e comerciantes da região.

Investimentos ultrapassam R$ 37 milhões

Na ocasião, o diretor de Distribuição da CEEE, Guilherme Barbosa, detalhou as obras e o percentual de execução do projeto. Levando-se em consideração as melhorias nos oito alimentadores (redes de média tensão que distribuem a energia), o investimento da Companhia é de aproximadamente R$ 7,3 milhões. No total, são cerca de 50 km de novos alimentadores e 27 km de baixa tensão. Barbosa destacou a utilização de cabos ecológicos, tecnologia mais apropriada à convivência com a intensa arborização da cidade pois reduz a possibilidade de desligamentos em situações de contingência.

O planejamento para reforçar o sistema energético da zona Sul da Capital inclui também um investimento superior a R$ 30 milhões, referentes à ampliação da Subestação Porto Alegre 14 (no bairro Restinga) e a construção de uma linha de transmissão de 69 kV (quilovolts) de sete quilômetros que a ligará à Subestação Porto Alegre 15 (no bairro Guarujá).

O diretor da CEEE anunciou também que a Empresa prepara a instalação, até o fim do ano, de uma subestação móvel no terreno onde está sendo construída a Subestação Porto Alegre 15, na rua Cipriano Prunes. Esta foi a solução encontrada pela Companhia para que os 150 mil moradores beneficiados com o futuro empreendimento não sintam os atrasos provocados por problemas ocorridos com a empreiteira que tocava a obra. Por não cumprimento de contrato com o fornecedor que venceu o processo licitatório, foi necessário reavaliar o cronograma.

 

 

 

 

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres