Notícias

Presidente do Grupo CEEE tem certeza de que a concessão da distribuidora será renovada

A documentação necessária foi entregue sexta-feira,03, à Aneel

Por admin / Publicado: 06/07/2015 Última modificação: 18/10/2019 16h28

Compartilhar

“Estamos trabalhando para manter a CEEE gaúcha, pública e prestando um serviço de qualidade!”. Com essa frase, o presidente do Grupo CEEE, Paulo de Tarso Pinheiro Machado, abriu sua participação no painel “Eletrificação Rural na Visão das Empresas e Cooperativas Distribuidoras de Energia”, nesta segunda-feira, na Assembleia Legislativa. Segundo o presidente, o esclarecimento se fazia necessário para tranquilizar a sociedade e os clientes da Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE Distribuição), esclarecendo que a concessão, que vence nesta terça-feira, 07, será renovada. “As exigências estabelecidas pelo decreto e pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estão contempladas no Plano de Resultados que foi entregue ao órgão regulador e na sexta-feira, 03, entregamos toda a documentação necessária para dar andamento ao processo. Precisamos desfazer os ruídos que estão sendo propagados a respeito de federalização ou privatização da CEEE Distribuição”, afirmou.

As determinações da Aneel dizem respeito à melhoria dos indicadores técnicos de continuidade e econômico-financeiros, para garantir um serviço de qualidade aos clientes dos 72 municípios da área de concessão da CEEE Distribuição. Ele apresentou oportunidades que estão sendo utilizadas para implementar ações que melhorem o fornecimento para a área rural, bem como os investimentos realizados em 2014 e projetados para este ano. Citou como exemplos as subestações São Jerônimo, que já está em operação, Morro Redondo e Dom Feliciano, além da linha de transmissão Camaquã – São Lourenço do Sul, que será energizada em novembro, entre outros.  “A qualidade da energia depende da capacidade de investimento e estamos canalizando nossos esforços para fazê-los de forma racional e eficaz”, ponderou. Paulo de Tarso Pinheiro Machado ressaltou a necessidade de estabelecer um dimensionamento da demanda para que possam ser priorizados os investimentos e atendidas as necessidades de cada região. Também participaram do painel o presidente da AES Sul, Antônio Carlos de Oliveira, o gerente de Gestão de Ativos da RGE, André de Oliveira Meirelles, e o presidente a Federação das Cooperativas de Energia Elétrica do RS (Fecoergs), Jaime Stefanello.

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres