Notícias

Primeiras geladeiras são entregues em São Lourenço do Sul

Três caminhões farão diariamente a substituição na cidade e em Turuçu. A próxima etapa será Porto Alegre e região

Por admin / Publicado: 16/08/2011 Última modificação: 18/10/2019 16h27

Compartilhar

Foi com satisfação que a dona de casa Roseni Lopes da Silva, de 36 anos, recebeu a equipe que substituiu a geladeira antiga dela por uma nova, nesta quarta-feira. O aparelho antigo, que já estava na casa da família havia mais de dez anos, comprado de segunda mão, era desgastado e consumia muita energia. O ano de fabricação não estava aparente, mas estima-se que o refrigerador não tenha menos de 20 anos. A geladeira nova, assim, pode consumir de 60% a 70% menos do que a anterior, ajudando na economia da família. “Vai diminuir bastante a conta de luz. A gente sempre se preocupa em poupar. Há três anos, sempre que posso, compro lâmpadas fluorescentes para contribuir com isso”, disse Roseni.

Ela mora com o marido e quatro filhos numa casa de quatro cômodos – dois dos quais de madeira –, localizada na Barrinha, em São Lourenço do Sul. Beneficiária dos programas Bolsa Família e Fome Zero do Governo Federal, ela é um dos 526 clientes do município aptos a fazerem a substituição. Além da geladeira, ela entregou também quatro lâmpadas, que foram substituídas por fluorescentes compactas novas. Roseni foi uma das primeiras contempladas, neste primeiro dia e recebeu a visita do diretor de Distribuição da CEEE, Rubem Cima. “É um programa importante, que nos deixa muito felizes não só por contribuirmos socialmente com os clientes que têm menos recursos financeiros, como por colaborarmos também com a preservação do ambiente”, avaliou.

Além do diretor Rubem Cima, os assessores do vice-governador Valter Franz Cosvig e Gildo da Silva, o gerente do Centro Regional Centro Sul, Marco Genaro Wolwski, e o chefe da agência de São Lourenço, Alex Sandro Leal Oliveira também participaram desta primeira entrega. Cosvig destacou que “além de ajudar as famílias que perderam tudo com a enxurrada de março, este projeto ajuda a cumprir com o compromisso de sustentabilidade do planeta, a partir da racionalização do uso energia elétrica”. Os clientes de São Lourenço do Sul e Turuçu não seriam contemplados nesta primeira etapa, que atenderia apenas a Região Metropolitana, mas, em função do temporal ocorrido no início do ano, o vice-governador, Beto Grill, solicitou que as cidades fossem incluídas logo no programa.

A substituição das geladeiras faz parte do Programa de Eficiência Energética e atende a legislação em vigor e a normas da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Elas mandam que as empresas invistam 0,5% da receita operacional líquida em eficiência. Desse total, 60% deve ser aplicado em projetos voltados a consumidores beneficiados pela tarifa social de energia e o não cumprimento dessas determinações resultam em pesadas multas às concessionárias. Nesta primeira etapa de execução, serão investidos recursos da ordem de R$ 9 milhões.

A empresa, contratada por licitação, vai fazer a retirada do equipamento antigo, a entrega do novo (das lâmpadas e da tomada) e providenciará o descarte ecologicamente correto do aparelho antigo. O lixo seco retirado será entregue a uma central de reciclagem da cidade em que o produto foi substituído ou do município mais próximo.

Os clientes contemplados precisam estar em dia com o pagamento da conta, que deve ser apresentada no momento da entrega. Os procedimentos são devidamente registrados através de um termo de recebimento. Três caminhões fazem a coleta dos refrigeradores antigos e a entrega dos novos. A conclusão do processo nas duas cidades deve ocorrer até o final deste mês. Depois, a ação deve acontecer em Porto Alegre.

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres