Notícias

Projeto Semear apresenta resultados

Programa é uma parceria da CEEE GT com a prefeitura de Cachoeirinha.

Por admin / Publicado: 13/01/2009 Última modificação: 18/10/2019 16h26

Compartilhar

Os coordenadores do Projeto Semear fizeram uma avaliação  das atividades nesta quarta-feira, 14, junto à área da Granja Esperança onde, desde agosto de 2006, a Prefeitura Municipal de Cachoeirinha e a Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica (CEEE GT) viabilizam um programa inédito e bem sucedido no Estado, em que mais de 100 agricultores utilizam  lotes de terras junto às linhas de transmissão para o cultivo de 32 espécies de frutas, verduras e legumes. Participaram do evento, que reuniu convidados e um grupo de agricultores que trabalha no local, o prefeito de Cachoeirinha, Luiz Vicente da Cunha Pires; o assistente executivo da Diretoria de Transmissão do Grupo CEEE, Hedio Lovatto; o secretário do Trabalho, Cidadania e Assistência Social de Cachoeirinha, Isalino Kingeski e o coordenador especial de Agricultura e Abastecimento, pastor Enes Gomes, que além deste projeto, na nova administração recém empossada, assume também as atribuições da Coordenadoria de Economia Solidária, com o objetivo de ampliar programas de trabalho e renda no município, localizado na região metropolitana da capital e que possui 113 mil habitantes.

Incluindo a safra 2009, que deverá resultar em aproximadamente 50 toneladas de alimentos, o Projeto Semear fechará este ano contabilizando a colheita de 114 toneladas de produtos, como aipim, feijão, milho, abóbora, batata, entre outras culturas. A primeira safra (2006/2007) iniciou com 23 famílias e a colheita de 18 toneladas; na segunda já eram 42 agricultores e o resultado chegou a 46 toneladas. Hoje, 109 famílias estão cadastradas no programa que foi estendido ao bairro Bom Princípio onde são produzidas frutas (uva e maracujá) e plantas medicinais variadas. Ainda no primeiro semestre de 2009, uma nova etapa será implantada próxima ao canteiro central em frente a Cesuca (Complexo de Ensino Superior de Cachoeirinha) para o cultivo de flores.   

Pela parceria, a prefeitura disponibiliza o uso do maquinário, como trator, grade, e roçadeira para facilitar o trabalho dos pequenos produtores e a CEEE GT executa o cercamento da área, além de proporcionar condições de irrigação, bem como sinalizar com placas explicativas e de advertência. Um dos destaques do projeto e que foi homenageado em nomes de todos os agricultores está no local há 13 anos. Jandir Santos da Silva, natural de Soledade, morou em Panambi e Montenegro antes de fixar residência em Cachoeirinha. Diz que daqui não sai, enquanto viver. “Cheguei antes do Semear. Hoje, planto feijão, aipim, milho, hortaliças e produzo mel”, conta ele, trabalho que tem ajudado no sustento da família, com três pessoas. “Neste espaço, plantamos, colhemos e compartilhamos. Todos estão tendo lucro. Já estamos na terceira safra de feijão e no final de março iniciamos a colheita de 35 mil quilos de aipim. Nós temos o privilégio de usufruir de uma área para plantar alimentos sadios e sem agrotóxicos”, diz. O prefeito Vicente Pires acrescentou que o projeto dá certo, tem bons resultados e precisa continuar sendo incentivado. “Além de proporcionar benefícios claros de renda a mais de cem famílias, é bom para a CEEE por questões de segurança e para os indicadores de desenvolvimento social do município”, ressalta.

 

Na foto, prefeito de Cachoeirinha, Luiz Vicente Pires; agricultor Jandir Silva, pastor Enes Gomes da Silva e Hédio Lovatto

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres