Notícias

Secretário vistoria obras na Avenida Cristiano Fischer

Linha de transmissão subterrânea e subestação vão melhorar o fornecimento de energia na região leste da Capital

Por admin / Publicado: 04/05/2012 Última modificação: 18/10/2019 16h27

Compartilhar

O secretário de Infraestrutura e Logística, Beto Albuquerque, o presidente do Grupo CEEE, Sergio Souza Dias, e diretores da Empresa visitaram na tarde desta sexta-feira, 04, as obras da implantação de uma linha de transmissão subterrânea na zona Leste da Capital. Localizada na Av. Cristiano Fischer, o trabalho também inclui a construção da nova subestação (SE) Jardim Botânico, projetada para ter uma capacidade de 166MW, no mesmo terreno da SE Porto Alegre 12.

Para o secretário, “este investimento é uma resposta importante que o Governo do Estado e o Grupo CEEE estão dando para a Capital dos gaúchos, no sentido de recompor e melhorar o fornecimento de energia elétrica. A CEEE é uma empresa que se reestrutura e retoma a capacidade de investimento no Rio Grande do Sul”. Albuquerque cita o Programa RS Mais Energia, que está sendo implantado no Estado e prevê empreendimentos nas áreas de geração, transmissão e distribuição de energia. O investimento totalizará cerca de R$ 1,7 bilhão em melhorias para a Copa de 2014 e para acompanhar o crescimento do mercado.

 

Mais sobre a obra

Esta linha subterrânea, construída pelo consórcio TESB (formado pelas empresas  CEEE Geração e Transmissão, Procable e Insigma), vai viabilizar a implantação da SE Jardim Botânico, que propiciará uma  melhoria nos índices de qualidade de energia e confiabilidade do sistema elétrico, em especial para aquela região.

A construção da linha de transmissão em 230kV na modalidade subterrânea é uma tendência pois evita a colocação de grandes estruturas ao longo das avenidas, gerando menor interferência no trânsito e na paisagem urbana. O trabalho iniciou no final do mês de abril e já avançou cerca de 180 metros – o correspondente a 10% do trajeto total, que segue ao lado do canteiro central. Segundo o gerente técnico do consórcio, Carlos Magno, a programação está dentro do prazo e o cronograma está sendo cumprido.

O investimento total (linha de transmissão, nova subestação e adequações à subestação existente) é de R$ 56 milhões e a previsão de conclusão das obras é maio do próximo ano.

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres