Notícias

Técnicos da CEEE D iniciam campanha de combate aos acidentes com energia elétrica

O trabalho junto aos consumidores será reforçado até o próximo domingo, 11 de novembro.

Por admin / Publicado: 04/11/2007 Última modificação: 18/10/2019 16h25

Compartilhar

A Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE D) iniciou nesta segunda-feira, 05, uma campanha para divulgar os perigos e riscos da eletricidade e as formas de prevenir acidentes junto às 72 cidades da sua área de concessão. A primeira atividade ocorreu junto ao Largo Glênio Peres, em Porto Alegre, onde técnicos da empresa distribuíram cerca de três mil cartilhas educativas para a população. Esta atividade integra a 2ª Semana Nacional da Segurança, trabalho coordenado pela Abradee (Associação Brasileira das Distribuidoras de Energia Elétrica), e realizado simultaneamente pela CEEE D e outras 50 distribuidoras do País até o próximo domingo, 11 de novembro. Os técnicos da CEEE de Osório também fizeram uma blitz educativa na praia de Tramandaí nesta segunda-feira. Amanhã, a equipe do litoral norte estará em Capão da Canoa.

O foco da campanha, neste ano, está voltado para quatro das mais freqüentes causas de acidente com choque elétrico, segundo dados estatísticos da empresas do setor, que são movimentar andaimes e objetos metálicos nas proximidades das redes de energia, manipular condutores energizados para fazer ligações elétricas clandestinas, instalar antenas de TV perto da fiação elétrica e empinar pipas em locais inadequados. "É nossa obrigação informar e alertar aos consumidores, sempre, sobre os riscos da energia elétrica e, dessa forma, colaborar para diminuir acidentes. Uma campanha desta natureza, em nível nacional, ajuda a sermos mais efetivos na nossa comunicação", disse Delson Luiz Martini, presidente do Grupo CEEE, que participou da abertura do evento no centro de Porto Alegre, acompanhado do diretor de Distribuição, Rogério Sele da Silva.

Atualmente, as 64 distribuidoras do país fornecem seus dados para um sistema único, que separa os acidentes em 14 tipos de ocorrência. A análise dos dados dos últimos 06 anos (período 2001 a 2006) mostra uma média anual de 986 pessoas acidentadas, sendo 323 fatais, 278 com lesões graves e 385 com lesões leves. Nos quatro tipos de ocorrências consideradas diretamente na Campanha de Segurança - Soltar Pipa ou Papagaio; Instalar ou Reparar Antena de TV; Construção ou Manutenção Predial; Ligação Elétrica Clandestina (furto de energia), o número médio de pessoas acidentadas anualmente é: 129 fatais, 131 com lesões graves e 150 com lesões leves, representando 42% do total dos acidentados e respondendo, igualmente, por 42% da taxa de gravidade (TG) dos acidentes.

Ligação clandestina está na pauta da campanha

O diretor de Distribuição, Rogério Sele, acrescentou que uma das maiores preocupações, hoje, das empresas são as ligações clandestinas que, além de risco de acidente às pessoas, traz prejuízo ao fornecimento de energia e precisa ser enfrentado pelas Concessionárias, com a colaboração da comunidade. "Na CEEE D, estamos reforçando a fiscalização no combate aos chamados "gatos", mas isso ainda não tem sido o suficiente. É importante que as pessoas que presenciem este tipo de atitude ilegal denunciem, pois o sistema elétrico é dimensionado e implantado a partir de uma necessidade de carga específica e, quando pessoas desautorizadas, fazem ligações irregulares, além de correrem risco, acabam prejudicando a qualidade da energia distribuída a toda uma região", explicou. Sele esclarece, ainda, que as informações sobre os "gatos" podem ser repassadas à CEEE D, através do telefone gratuito 0800.721.2333, ou pela internet. Na página da empresa, no link "serviços", há um formulário para o usuário repassar on-line à Concessionária dados sobre ligações clandestinas e irregularidades. Rogério Sele faz questão de lembrar que os dados enviados pelo consumidores são sigilosos.

Palestras sobre segurança

A CEEE D também vai trabalhar os conceitos de segurança junto às escolas durante toda esta semana. Técnicos da empresa já agendaram palestras para mais de dois mil alunos em diversas cidades do Estado, a fim de alertar sobre os cuidados com eletricidade. O programa está voltado a estudantes matriculados no ensino fundamental de instituições públicas e particulares, que ouvirão palestras dos monitores e receberão cartilhas e folhetos, contendo orientações sobre cuidados em casa e na rua. Escolas que tenham interesse em participar podem entrar em contato com a Assessoria de Comunicação Social da empresa e solicitar uma palestra específica, pelo telefone (51) 3382.4660 ou 33.82.4267, ou pelo e-mail

comunicsocial@ceee.com.br.

Nesta terça-feira, a CEEE D fala para 250 alunos, em Porto Alegre. Pela manhã, às 8h30min, os técnicos de segurança estarão na Escola Paulo da Gama, na Avenida Silvado, 555; e na Escola Araújo Viana, também no Partenon. À tarde, às 14h30min, as duas escolas recebem novamente uma palestra especial sobre segurança com energia elétrica.

 

Últimas Notícias

Categoria
A CEEE
Data
04/07/2020

CEEE recompõe energia para 99% dos clientes

Categoria
A CEEE
Data
24/06/2020

CEEE-GT vai ampliar capacidade da Usina de Bugres