Sustentabilidade e Educação

Programas Ambientais

O Grupo CEEE desenvolve diversos programas que visam monitorar, preservar e recuperar o meio ambiente e também reduzir o impacto das atividades relacionadas aos negócios da Companhia

As empresas do Grupo CEEE buscam produzir, transmitir e distribuir energia elétrica com respeito ao meio ambiente, buscando sempre:

  • a prevenção da poluição e controle de impactos ambientais significativos, como os decorrentes do uso de recursos naturais, da ocupação do ambiente e da geração de resíduos sólidos;
  • o atendimento da legislação e outros requisitos ambientais das partes interessadas;
  • e a obtenção de melhoria contínua na gestão ambiental.

 

A Coordenadoria de Meio Ambiente, vinculada à Presidência do Grupo CEEE, atende todas as áreas de negócio em que a Companhia atua. O corpo técnico é multidisciplinar, com profissionais das áreas Ambiental, Florestal, Agrícola, Química, Civil, Administrativa, com especializações em gestão ambiental, gestão de resíduos, geoprocessamento, tratamento de passivos e demais áreas correlatas.

 

Programa de Educação Ambiental (PEA)

Visa divulgar conhecimentos sobre geração, transmissão e distribuição de energia elétrica e apresenta aos seus públicos de interesse como a empresa trata as questões relacionadas ao meio ambiente. Nas escolas o Programa desenvolve diversas ações, como: palestras, atividades artísticas e interativas. As palestras contam com o auxílio da reprodução de vídeos de sensibilização ambiental e abordam diversas temáticas como o uso eficiente da água, o uso racional de energia elétrica, informações sobre a fauna e flora, características da região, além da explanação do trabalho desenvolvido pela CEEE-GT. O Programa também inclui ações de sensibilização para os profissionais de empreiteiras terceirizadas que atuam em obras da CEEE-GT.

 

Programa de Fiscalização Ambiental

A empresa mantém um programa de fiscalização ambiental, com foco principal em áreas no entorno de reservatórios das usinas hidrelétricas. As fiscalizações buscam coibir atividades ilegais de caça e pesca, desmatamentos, depósito de lixo, ocupações de margens com construções, entre outras atividades irregulares. As fiscalizações são conduzidas por equipes da CEEE-GT, e freqüentemente, em conjunto com integrantes do Batalhão Ambiental, MPE e outros órgãos.

As atividades de campo geram relatórios descritivos e fotográficos, notificações extrajudiciais, processos judiciais, bem como outras ações que visam à correção dos problemas identificados, ou ainda, encaminhamento de denúncias aos órgãos fiscalizadores.

 

Programa de Monitoramento de Ictiofauna

O programa de monitoramento da ictiofauna é realizado em 20 reservatórios da CEEE-GT. São realizadas campanhas anuais, através da amostragem das populações, com registros de dados de biometria, abundância e diversidade dos peixes que foram coletados, os quais são úteis para comparação da situação da conservação das espécies ao longo do tempo.

 

Programa de Monitoramento de Avifauna

Com vistas a minimizar impactos causados à avifauna, a CEEE-GT realiza estudos prévios nos traçados onde propostos para instalação de Linhas de Transmissão para identificar eventuais impactos sobre os grupos de aves mais suscetíveis. Quando há identificação de impactos negativos são propostas ações mitigadoras, visando minimizar os mesmos.

Posteriormente, na fase de operação, a CEEE-GT realiza o monitoramento da avifauna e suas interações com as estruturas das LTs. A empresa realiza registros dos acidentes que são constatados em relação à avifauna, bem como os desligamentos causados pela interação deste componente com o sistema elétrico, com vistas ao fornecimento de subsídios para o planejamento de ações para controle destes impactos.

 

Programa de Monitoramento da Qualidade da Água

O programa de Monitoramento da Qualidade das Águas Superficiais contempla 18 reservatórios sob concessão da CEEE-GT. Contempla ações de coleta de amostras de água nas margens e dentro dos reservatórios, em três profundidades, para que sejam analisados parâmetros físico-químicos e biológicos representativos de potenciais contaminações da água pelas atividades antrópicas presentes no entorno dos reservatórios.

 

Reposição Florestais Obrigatórias, Recuperação de Áreas Degradadas e Conservação da Flora

A segurança e confiabilidade na operação dos sistemas de Geração e Transmissão de Energia Elétrica está ligada diretamente a sua adequada manutenção, bem como do controle de variáveis externas que podem interferir em seu funcionamento. Dentre estas variáveis destaca-se o desenvolvimento da vegetação nas áreas de influência das instalações dos empreendimentos, que pode causar falhas pelo contato de galhos com cabos.

A interferência da empresa na flora é relevante para a sociedade, principalmente em relação ao impacto visual de podas em áreas urbanas, e para minimizar este impacto os serviços são executados por equipes próprias e terceirizadas especializadas e treinadas neste tipo de atividade.

Complementarmente, a CEEE-GT desenvolve o programa de recuperação de áreas degradadas e compensações florestais, sendo que a áreas contempladas pelos plantios são constantemente monitoradas e possuem placas de identificação. Estas áreas são isoladas com cerca de arame para evitar as intrusões de animais (pisoteio e pastoreio), bem como dificultar intrusões humanas com intuito predatório, tais como o corte ilegal de madeira.

 

Auditorias ambientais periódicas

A CEEE-GT realiza auditorias ambientais periódicas nos empreendimentos de geração de energia elétrica, as quais ocorrem a cada dois anos, sendo desenvolvidas por empresa terceirizada isenta e que é habilitada pelo órgão ambiental para realizar estas atividades. Os resultados destas auditorias são apresentados para o órgão ambiental e subsidiam o processo de manutenção das licenças ambientais dos empreendimentos, atendendo requisitos legais vigentes.

 

Gestão de Resíduos

Conforme preconiza a legislação, as empresas do Grupo apresentam ações voltadas para gestão dos resíduos gerados nas atividades desenvolvidas, com ações distintas para os diferentes tipos de resíduos.

A principal forma de gestão de resíduos Classe II (não perigosos) ocorre pela realização de leilões, através dos quais a empresa comercializa sucatas metálicas, cabos, veículos, equipamentos, postes, equipamentos de informática, sucata de medidores e isoladores, móveis e outros bens inservíveis. Demais resíduos gerados em escritórios, tais como papéis, plásticos e restos de alimentação, são prioritariamente destinados para ações de reutilização e reciclagem.

A gestão dos resíduos Classe I (perigosos) é realizada através da contratação de empresas especializadas em destinação final adequada, específicas para cada tipo de resíduo e devidamente licenciadas pelos Órgãos Ambientais. Os principais resíduos Classe I (perigosos) gerados são lâmpadas fluorescentes e materiais contaminados com óleo.

Nos empreendimentos com atuação de empresas terceirizadas, especialmente nas obras de ampliação dos sistemas operados pela CEEE-GT, ações de fiscalização periódica, aliadas com treinamentos e educação ambiental garantem o tratamento adequado dos resíduos gerados nas atividades.